Algumas frases soltas e absortas

Um homem. Uma pia de louça suja. A cueca no chão do banheiro.

Ele lava as louça. Ele recolhe sua  própria cueca. Coloca no cesto de roupas sujas, ao lado da máquina de lavar.

E a mulher dele chega do trabalho com a grana de metade das contas.

Outro homem. Não lava as louças. A pia cria um lodo verde nas laterais de sua bacia. Pequenas baratas desfilam alvissareiras por ali. Ele acumula as roupas sobre o sofá do quarto.

A mulher dele chega sem o dinheiro das contas, e lava tudo e recolhe as cuecas, e mata as baratinhas, enquanto canta uma canção acompanhada pelo rádio.

Afinal: lavar umas louças e recolher sua própria roupa de baixo não é bem barato perto de pagar tudo sozinho?

Faça as contas.

 

……………………………………………………………………………………………………

 

Quando ele a elogiava tanto assim.

Era só uma forma doce de dizer adeus.

Ou de dizer que ela era muito boa para ele, e ele preferia as más.

Ou apenas uma forma de manter a própria boca ocupada em não beijá-la ?

……………………………………………………………………………………………………………

 

Eu preciso sair dessa combinação de meu nome com marasmo.

Ver mais o mar.

Enfim: encontrar-me mais comigo mesma.

 

…………………………………………………………….

A pesada neblina estéril desse lugar tem me deixado esvaziada. Só escrevo epitáfios. E todos meus.

Anúncios

4 comentários em “Algumas frases soltas e absortas

  1. Hummmmm!
    gosto da energia do seu blog. A idéia lá do quanto custa recolher as cuecas… muito bom, até porque, além do custo monetário há o gasto de energia(cara, tira essa roupa daí, menino, levanta a tampa do vaso..e por aí a fora). Bom mesmo é que haja pessoas que se ajudem.
    Um abraço

  2. Mara, li seus comentários la no artigo sobre o Breton que eu escrevi na Wave… E concordo mesmo, escrevi pouco… mas era a primeira coisa que eu ia mandar pro pessoal da revista, então resolvi ir mais devagar… Mas fico feliz que você tenha gostado do texto do Miller, pois de fato eu me senti mais livre para deixar o verbo mais solto… E essa coisa de ficar preso em textos didáticos e acadêmicos é realmente um cu… Passei por isso na faculdade, e fico mais do que feliz em escrever um texto não acadêmico, e se alguém achar ruim, em dar uma resposta acadêmica pra deixar o povinho feliz… gostei dos seus textos por aqui, adicionada aos favoritos…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s